Hospital Dilson Godinho é parceiro no I Mutirão de Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço

25 Jul 2018
1577 vezes

MutirãoO Hospital Dilson Godinho é parceiro na realização do I Mutirão de Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço, realizado dentro da campanha Julho Verde. As ações de saúde acontecem na Praça Doutor Carlos, Centro de Montes Claros, nesta sexta-feira (27), a partir das 8h.

Serão realizados atendimentos gratuitos (entre exames e orientações), sem a necessidade de agendamento prévio. A campanha é promovida pela Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Associação de Câncer de Boca e Garganta. A data foi escolhida justamente por ser o Dia Mundial de Conscientização e Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço.

Fatores de risco

O objetivo da ação é levar mais conscientização aos moradores. O câncer de cabeça e pescoço surge, principalmente, na boca, lábios, garganta, laringe (cordas vocais), tireoide e pele. Segundo levantamento do Instituto Nacional do Câncer (INCA), este tipo de câncer é hoje o segundo mais frequente em homens, atrás somente do câncer de próstata. Nas mulheres, prepondera o câncer de tireóide, sendo o quinto mais comum entre elas.

Segundo o cirurgião especialista em cabeça e pescoço, Lucas Ferreira Bicalho, os principais fatores de risco para o desenvolvimento deste tipo de câncer são: uso do cigarro e álcool, infecção por HPV e exposição solar. "Os principais sinais de alerta são caroços no pescoço, feridas na boca ou garganta, dor para engolir ou rouquidão, principalmente em pacientes com mais de 40 anos e/ou fumantes. Por isso a campanha Julho Verde, uma tentativa global de conscientização da população para os principais fatores de risco do câncer de cabeça e pescoço", destaca o especialista.Lucas Bicalho cirurgião 2

Mutirão
O mutirão tem a expectativa de atender gratuitamente mais de 300 pessoas. Para os interessados, as senhas de atendimento serão entregues por ordem de chegada, a partir das 8h, sem a necessidade de agendamento prévio.

O mutirão de Combate ao Câncer de Cabeça e pescoço promoverá ações gratuitas e beneficentes, oferecidas por serviços médicos públicos e privados, que prestam informações e orientações e realizam avaliações e triagem de pessoas com risco, queixas ou sintomas sugestivos de câncer de boca, garganta, cordas vocais, tireoide, pele e outros tumores de cabeça e pescoço. Os moradores receberão encaminhamento para acompanhamento médico, caso necessário.

Última modificação em Quarta, 25 Julho 2018 12:33
Avalie este item
(0 votos)