Atendimento

Atendimento de qualidade para toda Minas Gerais 

atendimentosite

Existem três formas de atendimento no Hospital Dilson Godinho:

  • Consultas particulares

Mais informações pelo telefone (38) 3489-1613

Mais informações pelo telefone (38) 3229 4000

  • Consultas por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) – saiba como funciona o agendamento pelo SUS 

Mais informações pelo telefone (38) 3229 4323 - 3229-4309 - 3229-4348 - 3229-4329

frentenova

Agendamento 

A porta de entrada do cidadão para ter acesso ao Sistema Único de Saúde (SUS) é o Centro de Saúde mais próximo de onde ele mora. É importante levar a carteira de identidade e o CPF para ser atendido. Se não for a primeira consulta, ele deve levar, também, o Cartão Nacional de Saúde que identifica os usuários do SUS. 

O Cartão tem uma numeração nacional, o Número de Identificação Social - NIS (conhecido como PIS), que possibilita o acompanhamento do fluxo de atendimento no sistema de saúde. Após a consulta, se o paciente necessitar dar continuidade ao tratamento, os serviços de saúde dos municípios ou os centros de saúde de Montes Claros farão o agendamento das consultas, exames e internações.

Fique sabendo como funciona em cada caso.

1º caso: Não é urgência médica
Moradores de Montes Claros - O Centro de Saúde agenda a consulta eletiva do paciente através do sistema informatizado da Central de Marcação de Consultas Especializadas da Secretaria Municipal de Saúde. Se a procura for grande, o paciente entra na fila eletrônica. Cada Centro de Saúde tem uma cota mensal da oferta por especialidade. Quando a consulta é marcada, os dados (dia, horário, local, nome do médico) são repassados ao paciente pelo próprio centro. É gerado um número que autoriza o prestador de serviços a atender o cidadão.

Moradores de outras cidades – Nesse caso, os serviços de saúde das Prefeituras solicitam as consultas por telefone. Elas não têm acesso ao sistema eletrônico. Os dados a serem informados aos pacientes são repassados pelos funcionários da Central. Após a marcação o número gerado autoriza o prestador a atender o paciente. Para que a pessoa possa vir de outra cidade para tratamento é obrigatória a autorização chamada TFD (Tratamento Fora de Domicílio).

Atenção: Só pode encaminhar pacientes para Montes Claros a cidade participante da PPI (Programação Pactuada Integrada). Através dela, os gestores de saúde dos municípios participam de uma instância colegiada, mediada pela Secretaria de Estado da Saúde, que tem como objetivo fazer com que Montes Claros possa atender aos municípios como cidade referência.

Obs: Em casos de urgência, o cidadão deve se encaminhar a um hospital público.

2º caso: O estado do paciente requer internação 
Moradores de Montes Claros - Dentro de cada especialidade credenciada, o paciente é encaminhado para um hospital após a solicitação à Central de Internação uma vaga em um hospital público ou conveniado com o SUS. O caso vai ser analisado pelos médicos reguladores da Central que, constatando a necessidade, autorizam o hospital em que há vagas a receber o paciente.

Moradores de outras cidades – As prefeituras das cidades do interior solicitam à Central de Internação uma vaga em um hospital público ou conveniado com o SUS para a transferência desse paciente. A Central é a responsável em monitorar as vagas de cada cidade e autorizar o tratamento. Nesse caso também é necessária a TFD. O pedido vai ser analisado pelos médicos reguladores da Central que autorizam a vinda do paciente para a instituição em que há vagas.

3º caso: Paciente necessita de exames de alto custo ou de tratamento de alta complexidade
Tanto para residentes em Montes Claros quanto para moradores de outras cidades do Norte de Minas, o procedimento é o mesmo. Se os pacientes necessitarem fazer um exame de alto custo como tomografia, ressonância magnética, ecocardiograma, entre outros, os Centros de Saúde e as Prefeituras solicitam à Central de Alta Complexidade o agendamento desses exames. O mesmo vale para procedimentos de alta complexidade como hemodiálise e tratamentos contra o câncer. As comissões municipais formadas por médicos da Central encaminham o paciente de acordo com as vagas oferecidas pelos prestadores.

Endereços Uteis

Secretaria Municipal de Saúde
Av. Dulce Sarmento, 2076 - Monte Carmelo 
SOS Saúde (38) 3229 4323 
De segunda à sexta-feira, de 8h às 18h

Conselho Municipal de Saúde de Montes Claros
Av. Dulce Sarmento, 2076 - Monte Carmelo 
SOS Saúde (38) 3229 
De segunda à sexta-feira, de 8h às 18h

Superintendência Regional de Estado da Saúde
R. Correia Machado, 1333 - Bairro Santa Maria 
(38) 2103-3507

Conselho Estadual de Saúde
Av. Afonso Pena, 2.300 – 2º andar – loja 12 - Funcionários
Telefone: (31) 3261-4611